Sinfônica de Piracicaba abre 6º Feimep com homenagem a Scriabin

Sinfônica de Piracicaba abre 6º Feimep com homenagem a Scriabin
A Orquestra Sinfônica de Piracicaba faz a abertura do 6º Feimep (Festival Internacional de Música Erudita de Piracicaba), neste domingo, 19, às 17h, no Teatro Erotídes de Campos, no Engenho Central. O programa presta homenagem a Alexander Scriabin, compositor russo que completou o centenário de morte em abril. O maestro Jamil Maluf também conduz peças de Brahms e Tchaikovsky, e recebe Jasmin Arakawa, descrita como uma pianista de técnica impecável por revistas internacionais especializadas. Às 14h, o público tem a oportunidade de acompanhar o ensaio geral. A entrada é gratuita, com retirada antecipada dos ingressos.
 
Considerado um dos compositores mais inovadores do século 20, Scriabin chegou a ser chamado de “pai da música do futuro”. Ele acreditava na ideia de "obra de arte total” ao compor suas obras. Concerto para piano em fá sustenido menor, Op. 20, é uma peça em três movimentos, de ritmos complexos e linhas melódicas românticas. Para Jamil Maluf, trata-se de um “precioso concerto”. “É uma obra-prima raramente tocada no Brasil e, mesmo quem não conhece o concerto, sente-se imediatamente atraído por sua beleza sonora e sua envolvência.”
 

 
Foto: Makoto Ando
A pianista Jasmin Arakawa, que faz o solo da peça de Scriabin, é professora na Universidade de South Alabama, nos Estados Unidos, e dedica-se ao repertório de compositores espanhóis e latino-americanos. Ela coleciona apresentações no Carnegie Hall (Nova York), Salle Gaveau (Paris) e Victoria Hall (Genebra). Já foi solista com a Orquestra Sinfônica Philips, em Amsterdã, e participou de festivais no Canadá, México e Europa. Esta é a quarta vez que Jasmin participa do Feimep, sendo a segunda como solista da Sinfônica de Piracicaba.
 
Também considerada uma obra romântica, Abertura Trágica, op. 81, foi escrita pelo compositor alemão Johannes Brahms com a intenção de suscitar fortes emoções no público e, ao contrário do sugere o nome, é conhecida pelo caráter turbulento e dramático. Já a composição Abertura Fantasia, de Tchaikovsky, é uma espécie de poema sinfônico inspirado em trechos centrais do drama Romeu e Julieta, de William Shakespeare. O tema romântico foi utilizado em vários comerciais e filmes.
 
Esta é a terceira apresentação de Jamil Maluf no Feimep. No ano passado, ele regeu o concerto de abertura da Orquestra Sinfônica de Piracicaba, então como regente convidado. No encerramento, em 2014, assumiu a regência da Orquestra Acadêmica do Festival, que se repete este ano, no sábado, 25, às 20h, no Teatro do Engenho. “Acredito que a abertura do Feimep pela Sinfônica de Piracicaba se tornará tradição, assim como a Osesp abre, todos os anos, o Festival de Inverno de Campos de Jordão. Afinal, a OSP é a orquestra oficial da cidade de Piracicaba.”
 
INGRESSOS – Especialmente para a abertura da sexta edição do Feimep, a distribuição dos ingressos para as duas apresentações da Orquestra Sinfônica de Piracicaba será feita no sábado, 18, das 14h às 18h, e no domingo, 19, a partir das 13h. A capacidade do Teatro Municipal Erotídes de Campos é de 422 lugares, sendo permitidos dois ingressos por pessoa.
 
A Sinfônica de Piracicaba completou 115 anos em março de 2015 e, como forma de resgatar a sua história, organiza uma exposição no hall do Teatro do Engenho. São fotografias e dados sobre os personagens que contribuíram para a sua manutenção ao longo das décadas. Ainda no hall, o público pode adquirir a camiseta comemorativa aos 115 anos.
 
Iniciada em abril e prevista até o mês de dezembro, a Temporada 2015 da Orquestra Sinfônica de Piracicaba é uma realização da Prefeitura do Município de Piracicaba, por meio da Semac (Secretaria Municipal da Ação Cultural), com apoio da Empem (Escola de Música de Piracicaba Maestro Ernst Mahle), Jornal de Piracicaba, Revista Arraso, Rádio Educativa FM e Maison Vivenda Buffet.
 
SERVIÇO – Concerto da Orquestra Sinfônica de Piracicaba. Domingo, 19, no Teatro Municipal Erotídes de Campos (avenida Maurice Allain, Parque do Engenho Central). Horários: 14h (ensaio aberto ao público) ou 17h (abertura do 6º Feimep). Os ingressos são gratuitos. Classificação livre. Mais informações: (19) 3413-5212.
 
ASSESSORIA DE IMPRENSA DA OSP
Rodrigo Alves – (19) 99147-5733